Carbonara Day: comemore a receita italiana que ganhou o mundo

Conheça a origem do famoso molho é uma receita especial para a data

No dia 6 de abril comemora-se o Carbonara Day. De origem italiana, o molho à Carbonara, principalmente unido à massa, é sucesso mundial por, além de delicioso, ser prático de preparar. Nessa data especial, a Paganini traz curiosidades sobre essa receita e ensina a fazer um delicioso prato à Carbonara.

Receita original e adaptação

Não se sabe a origem correta do Carbonara. Algumas histórias ilustram um contexto de Segunda Guerra Mundial, em que uma família italiana precisou se alimentar com os ingredientes fornecidos por estadunidenses e, sem compreender os rótulos em inglês, fez uma mistura e chegou ao hoje aclamado molho. Outro conto diz que a receita de massa à Carbonara nasceu em Roma, para alimentar trabalhadores carvoeiros, chamados de “carbonari”. Acatando os conceitos de refeição simples, nutritiva e prática, surgiu a receita. Falando na profissão, uma terceira versão diz que tudo aconteceu porque um ex-carbonaro (limpador de chaminés), após deixar o cargo e abrir uma “osteria”, servindo o prato e nomeando-o com a antiga profissão, em forma de homenagem.

A receita original leva guanciale (corte que abrange a região lateral da cabeça e o pescoço do porco), ovo, queijo e pimenta, mas o ingrediente suíno é geralmente trocado por bacon defumado. Um elemento-chave do molho à Carbonara é o queijo que finaliza o preparo. O parmesão ou o pecorino (e por que não os dois?) dão um toque especial à receita,


Cremas de Aceto Balsâmico Paganini

Os melhores viangres ou acetos balsâmicos nascem na encantadora região montanhosa de Modena, no nordeste da Itália, há mais de 600 anos. Balsâmico é verdadeiramente uma classe à parte de outros vinagres. Ao contrário do sabor ácido normalmente associado aos vinagres, os balsâmicos apresentam uma rica e complexa combinação de aromas doces e uma suave acidez apresentada em variantes de cores escuras. O aceto balsâmico Paganini difere dos demais no tocante à sua concentração.

Práticos e versáteis, os cremas são produzidos para agradar os mais variados e sofisticados paladares, estes refinados produtos enriquecem naturalmente os alimentos e podem ser usados:

– Em marinadas de carne;

– Em saladas;

– Adicionados a morangos frescos ou sorvete de morango;

– Misturados a manteiga derretida, na quantidade desejada, para a produção de molhos rápidos ou grelhar carnes e peixes;

– Espalhados sobre legumes cozidos com aspargos ou feijão verde;

– Fervidos, até a obtenção de um molho grosso e encorpado para temperar carnes, peixes ou macarrão.